O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE), autarquia municipal fundada em 1969, é o órgão responsável pelo Sistema de Tratamento e Distribuição de Água e pelo Sistema de Coleta e Tratamento de Esgotos de União dos Palmares-AL.

HISTÓRIA:

O primeiro sistema público de abastecimento de água de União dos Palmares começou a funcionar em 1960. Era administrado pela Prefeitura Municipal. A água, captada de uma nascente através de barragem localizada na Serra dos Frios, era distribuída por gravidade para o núcleo urbano. Não havia cobrança de tarifa. A vazão era insuficiente para atender a população.

Em 28 de julho de 1969, através da Lei 401/69, foi criado o Serviço Autônomo de Água e Esgoto, na gestão do prefeito Antenor

de Mendonça Uchôa. A lei definiu o SAAE como “entidade autárquica com personalidade jurídica própria, dispondo de autonomia econômico-financeira e administrativa”. Para executar as atribuições de “operar, manter, conservar e explorar, diretamente, os serviços de água potável e esgotos sanitários”, o § 3º da Lei 401/69 autorizou a Prefeitura a contratar a administração do SAAE com a Fundação Serviço Especial de Saúde Pública. O convênio com a FSESP, atual FUNASA, perdurou até 1998.

DaaaaSC04639

O atual sistema de tratamento começou a ser formatado em 1975, com o inícioNo início dos anos 1990 o sistema de tratamento foi ampliado com a construção quatro floculadores e quatro decantadores. A captação da Fazenda Frios foi desativada com a construção da Estação de Captação do Rio Mundau, no Povoado de Várzea Grande.da construção dos primeiros dois filtros. Foi construída uma barragem no Riacho Macacos, localizada na Fazenda Frios, de onde a água era captada e bombeada para a ETA. Em 1977 o sistema de tratamento começou a funcionar com a operação dos dois filtros construídos (clarificadores de contato) e a utilização de produtos químicos (sulfato de alumínio, cloro gasoso e fluorita).

Em junho de 2010 a cidade de União dos Palmares foi atingida por enchente de grandes

DIGITAL CAMERA

proporções que varreu do mapa ruas, povoados e bairros. As milhares de ligações perdidas impactaram por demais a autarquia com grandes prejuízos e queda de faturamento. A zona urbana, no entanto, está se reconfigurando com a construção de mais de cinco mil novas casas através do Programa da Reconstrução do Governo do Estado financiado com recursos da União. À medida que os novos conjuntos habitacionais são entregues, esses consumidores retornam à qualidade de usuários do sistema de abastecimento e, a médio prazo, a situação tende a se normalizar.

 Atualmente o Serviço Autônomo de Água e Esgoto de União dos Palmares (SAAE/UPA), capta, trata e distribui água para a cidade de União dos Palmares e os Distritos de Timbó e Rocha Cavalcante, além de operar o Sistema de Coleta e Tratamento de Esgotos. É de 99% o índice de atendimento urbano de água encanada com 45.395 habitantes atendidos.

01

Leave a Reply